fbpx

Programas no Douro para combater o frio

Sugerimos-lhe programas no douro para que o frio não estrague os seus planos.

Nós sabemos que já se começa a sentir o frio de Inverno, e tudo o que quer fazer é estar em casa em frente à lareira.

Mas para que não fique sempre trancado em casa, damos algumas sugestões de atividades a fazer quando o frio aperta.

 

  • Participe numa Prova de Vinhos

São várias as quintas que fazem os típicos programas onde pode provar os licores do Douro.

A Quinta da Avessada, a Quinta da Roêda e a Quinta de Marrocos são três exemplos.

Estas quintas dão a possibilidade de visitar as suas propriedades, conhecer os locais onde produzem o vinho e, no fim, pode sempre provar os melhores licores da região.

 

  • Percorra a Linha do Douro
Linha do Douro
Fotografia de: Nelso Silva (https://creativecommons.org/licenses/by-sa/2.0/)

Visto que o frio não facilita os passeios pela rua, que tal desfrutar da paisagem dentro de um comboio?

A Linha do Douro é considerada a mais bonita do país e o seu trajeto tem, na sua maioria, a companhia do rio Douro.

Pode navegar desde Ermesinde até ao Pocinho, numa extensão de aproximadamente 163 quilómetros.

Neste passeio terá uma vista privilegiada para a paisagem duriense, onde poderá observar os socalcos das vinhas que descem até ao rio.

 

  • Visite um Museu

Que melhor maneira de fugir ao frio do que visitar um museu?

Sugerimos dois museus muito conhecidos da região: o Museu do Douro e o Museu do Pão e do Vinho.

O Museu do Douro localiza-se na cidade do Peso da Régua e promove o património da Região Demarcada do Douro e do vinho do Porto.

Existe desde 1997 e está instalado na Casa da Companhia, o edifício da antiga Companhia Geral da Agricultura das Vinhas do Alto Douro Vinhateiro.

O Museu do Pão e do Vinho localiza-se na freguesia de Favaios, e foi inaguruado em Julho de 2012.

Pretende dar a conhecer a história do vinho moscatel e do pão de Favaios, valorizando os recursos e as tradições locais.

Visitar um museu é dos melhores programas no Douro para realizar quando o frio aperta.

 

  • Jante num restaurante típico

Atrevemo-nos a dizer que o melhor do Douro é a sua oferta gastronómica.

Ao jantar num restaurante típico poderá “aquecer” a barriga enquanto desfruta dos melhores manjares da região.

Recomendamos a cidade da Régua, onde existe uma grande oferta de restaurantes típicos.

Há restaurantes para todos os gostos e para todos os bolsos.

Desde um estilo mais rústico, a um estilo mais requintado, certamente encontrará um que o irá agradar.

Quanto aos pratos, são vários os que podemos recomendar: o anho assado com arroz de forno, o típico arroz de favas, as cavacas de Resende para sobremesa.

Mas a oferta é muito maior. Desafiamos a que venha conhecer a região à descoberta do seu prato favorito.

 

  • Faça um cruzeiro

Cruzeiro no Douro
Fotografia de: Michelfafe (https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/deed.en)

Se acha que só o Verão é que serve para navegar pelo rio Douro, está muito enganado.

A serenidade do rio Douro faz com que seja possível circular durante todo o ano pelas suas águas.

Temos barcos abertos e fechados, o que possibilita a navegação em qualquer condição climatérica.

São vários os cruzeiros que lhe sugerimos:

Cruzeiro de 1 ou 2 horas: Navegue desde o Pinhão até à Romaneira ou até ao Tua, num típico barco rabelo, e desfrute de um cálice de vinho servido a bordo.

Cruzeiro de São Martinho: Celebre a data com um magusto. Poderá deliciar-se com as famosas castanhas assadas e jeropiga para acompanhar. Não se esqueça de dançar ao som das concertinas!

Cruzeiro de Natal: Desfrute do espírito natalício enquanto atravessa as famosas seis pontes do Porto. Com jantar a bordo e animação do DJ, terá tudo para ter uma noite memorável.