fbpx

Porto: o que fazer na cidade Invicta

A cidade Invicta está repleta de experiências que preencherão a sua estadia no Douro. 

 

  •  Assista ao pôr-do-sol no Jardim do Morro

O Jardim do Morro, em Vila Nova de Gaia, proporciona uma vista privilegiada para o rio Douro e a cidade do Porto.

Foi inaugurado em 1927, e nele existem um lago, uma gruta e bancos de pedra estrategicamente posicionados.

É um excelente local para relaxar enquanto se aprecia a paisagem ou um incrível pôr-do-sol.

Foi recuperado recentemente, de forma a proporcionar uma experiência ainda melhor às pessoas que por lá passam.

 

  • Prove uma francesinha

Já se costuma dizer que não existem francesinhas como as do Porto.

Criada nos anos 50, a francesinha é o petisco mais conhecido da cidade, e existem várias versões da receita original espalhadas pela Invicta.

Foram criadas versões vegetarianas, ou as que levam frango em vez das carnes vermelhas, para que possa corresponder ao gosto de toda a gente.

O prato é especialmente apreciado pelas pessoas que gostam de carnes picantes, e é usualmente acompanhado por uma cerveja.

Dizem que ir ao Porto e não provar uma francesinha, é como “ir a Roma e não ver o Papa”.

Ao aventurar-se pela cidade, faça uma pausa para almoço e prove esta iguaria gastronómica.

 

  • Passeie nos jardins do Palácio de Cristal

São 8 hectares de jardins localizados no centro do Porto.

Projetados no século XIX, são considerados os jardins mais bonitos da cidade. Foram obra de Emílio David, um paisagista alemão.

Dentro das instalações existem vários jardins temáticos como o jardim das plantas aromáticas, jardim das medicinais, jardim do roseiral e o jardim dos sentimentos.

A paisagem é o tesouro deste sítio. É possível contemplar as paisagens panorâmicas sobre o rio Douro e sobre a cidade.

Os jardins românticos do Palácio de Cristal são várias vezes palco de vários eventos culturais, sociais, e de vários espetáculos e exposições.

Não tem desculpas para não visitar, sendo que a entrada é livre e as suas portas abrem-se pelas 08 da manhã.

 

  • Visite as Caves do Vinho do Porto

Em frente à cidade do Porto, em Vila Nova de Gaia, localizam-se as tão conhecidas Caves do Vinho do Porto.

São 15 caves no total, e aqui é envelhecido o vinho fortificado mais famoso do mundo: o Vinho do Porto.

São diariamente organizadas visitas a estas famosas caves.

Nestas visitas existem guias que acompanham os visitantes às instalações da adega explicando o processo desde a colheita das uvas à elaboração dos seus vinhos.

No final da visita é oferecida uma degustação de vinhos. Normalmente oferecem uma taça de vinho tinto e uma de vinho branco.

Os preços rondam os 5 euros e incluem a visita e a prova de vinhos.

 

  • Faça um Cruzeiro

Por mais que caminhe todas as ruas da cidade do Porto, a experiência não fica completa se não se aventurar num ponto de vista diferente.

Num Cruzeiro pelo Douro, poderá observar as paisagens que não consegue ver nas ruas da cidade.

Poderá sentir a tranquilidade do rio Douro a bordo de uma das nossas embarcações que viajam até ao Alto Douro Vinhateiro.

São vários os programas que existem, que vão desde as pontes de Vila Nova de Gaia e Porto, até à região do Alto Douro Vinhateiro.

Se realizar um Cruzeiro entre o Porto e a Régua, poderá observar de perto a forma como a paisagem se vai alterando desde um ambiente mais citadino, a uma paisagem marcadamente rural.

Aventure-se e navegue desde a cidade onde se localizam as caves de vinho, até ao local onde este é produzido.

 

  • Percorra a Rua de Santa Catarina

A Rua de Santa Catarina é a zona comercial mais importante do Porto.

Com uma extensão de certa de 1500 metros, parte da rua encontra-se vedada ao trânsito automóvel e é usada exclusivamente por peões.

Fazem parte da rua várias lojas de vestuário e miudezas, várias sapatarias, o shopping Via Catarina e vários vendedores de rua.

Encontram-se aqui as mesmas cadeias de lojas que se vem usualmente nos centros comerciais. No entanto, existem cafés e livrarias que apenas se podem visitar nesta rua.

Se procura uma multidão de turistas e portuenses enquanto faz compras, esta rua é o melhor destino.

 

  • Tome café no Majestic

Inaugurado a 17 de Dezembro de 1921, não há quem não conheça este espaço histórico na cidade do Porto.

Era o ponto de encontro para personagens ilustres da época em que surgiu, e fonte de inspiração para vários escritores e artistas.

Inicialmente foi inaugurado com o nome de Elite, funcionando como um clube privado, o que desagradava à população da cidade.

Em 1923, alterou o seu nome para Café Majestic, devido à entrada de um novo sócio.

É conhecido pela sua decoração inspirada na arquitetura francesa.

Atualmente, continua a receber no seu espaço recitais de poesia, concertos de piano, exposições de pintura, lançamentos de livros e a realização de algumas cenas para filmes nacionais ou estrangeiros.