fbpx

Experiências no Douro: o que deve (mesmo) fazer!

AltoDouro3
Para que possa usufruir de umas férias pelo paraíso do Douro, damos-lhe algumas sugestões de sítios que deve mesmo visitar e experiências que tem mesmo que vivenciar.

 

Observar a paisagem do Miradouro de São Leonardo da Galafura ou o Miradouro de Casal de Loivos

Qualquer um dos dois miradouros conta com paisagens incríveis sobre o Douro.

O Miradouro de São Leonardo da Galafura fica na freguesia de Galafura, que pertence ao Peso da Régua. É um dos mais conhecidos do Douro pela sua vista sublime e a paisagem que o rodeia. Alcança uma grande extensão e é possível observar várias regiões vinhateiras, as paisagens verdes que tanto caracterizam o território duriense. Leve um lanche e aproveite para saboreá-lo no parque de merendas do miradouro, repleto de árvores que lhe darão sombra.

O Miradouro de Casal de Loivos é um dos mais interessantes no Douro Vinhateiro. Do miradouro consegue ter uma vista panorâmica sobre a Vila do Pinhão e o rio Douro. Pode ainda observar a curva que o rio Douro faz enquanto passa pelo meio das paisagens verdes constituídas pelas vinhas. Foi considerada como uma das paisagens mais bonitas do mundo pela BBC Londres. Faça uma visita a estes miradouros para observar as serras, os campos e as povoações. 

 

Miradouro de São Leonardo da Galafura e Miradouro de Casal de Loivos
↑ Miradouro de São Leonardo da Galafura
↓ Miradouro de Casal de Loivos
Fonte: Google Imagens
Percorrer a EN222

Considerada a melhor estrada do mundo, a Estrada Nacional 222 é perfeita para conduzir enquanto observa as vinhas e oliveiras presentes nas margens.

Depois de uma fórmula matemática comprovar que esta é a melhor estrada para conduzir, não tem razões para não ver por si mesmo.

Sempre acompanhada pelo rio Douro, a EN222 é conhecida pela sua paisagem envolvente, um cenário de socalcos vinhateiros.

Recomendamos que faça o troço Régua-Pinhão, considerado como a parte mais bonita da estrada.

O rio Douro está sempre a fazer-lhe companhia enquanto observa as paisagens de cortar a respiração. Sendo um conjunto perfeito entre curvas e retas, temos a certeza que terá vontade de voltar.

 

A Estrada Nacional 222 ao lado do Rio Douro
EN222: A melhor estrada do mundo
Fonte: Google Imagens

 

Ver a passagem de um barco pela Barragem de Bagaúste

Com um desnível de cerca de 27 metros entre as duas faces do rio, a Barragem de Bagaúste situa-se entre os concelhos da Régua e Lamego. A barragem fica no troço Régua-Pinhão na EN222, e poderá estacionar para observar os cruzeiros no Douro que a atravessam. Ou pode mesmo fazer parte de um e viver a experiência realizando um dos cruzeiros que atravessa a Barragem, como por exemplo o cruzeiro  Régua – Pinhão.

O processo de travessia da eclusa dura, em média, 30 minutos e reúne a curiosidade de muitas pessoas que pretendem observar a passagem dos barcos.

Barco a atravessar a Barragem de Bagaúste
Passagem de barco na Barragem de Bagaúste
Fonte: Google Imagens

 

Para além da navegação, é ainda utilizada para a produção de energia elétrica. Localizada na bacia hidrográfica do rio Douro, possui uma altura de 41 metros acima da sua fundação. Uma barragem que mudou a história e o decurso do Rio Douro, certamente não vai querer perder este cenário.

 

Fazer um cruzeiro pelo Douro

Por mais que visite o Douro, a sua viagem não ficará completa sem um passeio de barco no Douro.

Poderá assim conhecer uma grande extensão do rio, enquanto navega nas suas águas e observa as paisagens que o rodeiam.

Terá oportunidade de desfrutar de um pequeno-almoço ou almoço a bordo, e prometemos que será uma das refeições mais prazerosas da sua vida.

Atreva-se a conhecer a região de uma maneira diferente e a percorrer uma grande extensão no Alto Douro Vinhateiro, apreciando as paisagens que são classificadas como Património da Humanidade pela UNESCO.

Se pretende fazer um passeio mais curto ou mais longo, a opção é sua. Navegue nas águas tranquilas do Douro enquanto observa a transformação da mão humana nos socalcos durienses.

Cruzeiro pelo Rio Douro
Cruzeiro pelo Douro
Fonte: Google Imagens

 

Provar a gastronomia duriense

Se quer provar os melhores sabores do país, então no Douro irá encontrar os melhores manjares.

Se gosta de comer bem, então tem que provar a gastronomia duriense feita através dos produtos regionais, repleta de sabores fortes e suculentos.

Pratos tradicionais feitos no Douro
Comida tradicional do Douro
Fonte: Google Imagens

 

Venha provar as iguarias que o deixarão de “água na boca” no melhor que o Douro tem para lhe oferecer.

Poderá fazer um piquenique com uma vista privilegiada para o rio Douro ou jantar num restaurante que já foi uma carruagem de comboio. Os programas são variados e a oferta nunca mais acaba.

Desloque-se até ao Douro e desfrute dos pratos tradicionais portugueses enquanto admira a região vinhateira mais bonita do mundo. E prepare-se para querer repetir estes manjares. Uma e outra vez. Não diga que não o avisámos!

 

Beber um cálice de Vinho do Porto

Com uma história secular, o Vinho do Porto é o vinho mais famoso a nível mundial. Desde que passou a ser exportado internacionalmente foi crescendo o número de fás deste néctar. Produzido exclusivamente das uvas provenientes da Região Demarcada do Douro, o vinho deriva de um processo de fabrico baseado na tradição.

Cálice de vinho do Porto
Vinho do Porto
Fonte: Google Imagens

Existe uma grande diversidade de tipos de vinho do Porto, apresentando ainda várias tonalidades e sabores. Desde vinho tinto a vinho branco, e até rosé, certamente encontrará um ao seu gosto.

Aproveite para provar e conhecer todo o processo de produção do vinho, desde a paragem da fermentação ao envelhecimento deste néctar.

Recomendamos que aprecie cada gole demoradamente e na companhia de quem mais ama. Quanto à vista, com essa não tem que se preocupar.

No Douro qualquer recanto é um paraíso.

 

Participar nas vindimas do Douro

De certeza que já ouviu falar das vindimas do Douro, mas poder vivenciar é uma experiência completamente diferente.

As vindimas são muito mais do que aquilo que se vê. Terá que as sentir para as poder compreender.

Ocorrem, usualmente, em Setembro, e tratam-se do culminar de um trabalho que dura um ano. Durante esse ano os proprietários ou trabalhadores cuidam das vinhas para que depois estas venham a dar o seu fruto.

Para além da parte técnica, as vindimas são uma celebração. Ouvem-se músicas tradicionais em todos os recantos, as estradas enchem-se de carrinhas que transportam as uvas até aos lagares, para mais tarde se tornarem nos famosos vinhos durienses.

As pessoas levantam-se cedo para fazer todo o processo que as vindimas exigem. Trabalham de sol a sol para criarem os néctares do Douro.

A tradição da pisa das uvas é uma das mais reconhecidas e adoradas pelos turistas. O espaço do lagar é dividido por várias pessoas que metem, literalmente, os pés ao trabalho.

Não hesite em visitar o Douro na época das vindimas. Venha sentir a magia de uma época tão especial onde poderá conhecer a alma do povo e compreender porque é que o Vinho do Porto é tão especial.

Senhora a fazer a Vindima no Douro
Vindimas no Douro
Fonte: Google Imagens

 

Andar de comboio pela Linha do Douro

Se há experiência que é obrigatória no Douro, é percorrer a sua linha ferroviária sempre lado a lado com as águas do rio Douro.

É na estação de Ermesinde que a linha do Douro tem a sua origem. Os serviços são frequentes entre as estações da Régua e do Porto, e as paisagens que acompanham o percurso são imperdíveis.

A Linha Ferroviária do Douro foi concluída em 1887, com 203 km, e é rodeada por vários cenários repletos de beleza natural.

Através das pequenas janelas do comboio poderá observar os desfiladeiros que estreitam o leito do rio. À sua volta tem muito para avistar. O rio, as pontes, as vinhas, os socalcos e uma paisagem classificada como Património Mundial, pela UNESCO.

Acredite que é um dos mais belos passeios que pode fazer no país. Percorra esta linha mágica a bordo das carruagens que serpenteiam ao longo do leito do rio Douro.

Comboio da CP a viajar pela Linha do Douro
Comboio na Linha do Douro
Fonte: Google Imagens